A curvatura peniana adquirida, chamada de doença de Peyronie, é uma condição em que existe o aparecimento de uma placa endurecida e inelástica no corpo cavernoso, promovendo a curvatura do pênis nos momentos de ereção. Por vezes, a curvatura é tão acentuada, que pode atingir ângulos de 90° graus, impedindo a penetração durante as relações sexuais.

Uma curiosidade dessa doença, é que o quadro pode regredir espontaneamente, após um período de observação, mesmo sem a introdução nenhum tratamento. Por isso, nunca se deve propor um tratamento cirúrgico sem antes realizar um período de acompanhamento do paciente. Nesse interim, deve-se realizar exames de imagem para caracterizar a placa na albugínea e estudar a vascularização peniana, e pode-se introduzir algumas terapias que auxiliam no tratamento e regressão do quadro.

No entanto, não são poucos os casos em que não se observa nenhuma regressão; às vezes até existe piora da curvatura. Nesses casos, indica-se o tratamento cirúrgico. Existem diversas técnicas de correção, algumas com incisão da placa, associados ou não à colocação de enxerto, outras sem incisão da placa.

O Dr Rafael Fagionato Locali é especialista no tratamento da doença de Peyronie. Para mais informações agende uma consulta com Dr. Rafael Fagionato Locali.

WhatsApp Agende pelo Whatsapp