Agende uma consultaFale conosco pelo WhatsApp

Tratamento para infecção urinária em criança

Tratamento para infecção urinária em criança
Imagem meramente ilustrativa (Banco de imagens: Shutterstock)

Tratamento para infecção urinária em criança

9 junho, 2022

 

A escolha pelo tratamento mais adequado depende das causas relacionadas à infecção. Na maioria das vezes ele é feito com o uso de medicamentos, porém, em alguns casos, pode ser necessária cirurgia

As crianças, assim como os adultos, também estão sujeitas a terem infecção urinária, ou infecção do trato urinário (ITU). Segundo dados da Sociedade Brasileira de Pediatria, a infecção urinária é a segunda infecção bacteriana mais frequente nesse público, principalmente entre as meninas. Ela atinge 8,4% das garotas e 1,7% dos meninos menores de sete anos de idade.

Os meninos, nos primeiros três meses de vida, são mais propensos a apresentar o problema. Porém, conforme a criança vai crescendo, a infecção urinária se torna mais prevalente entre as meninas.

Sintomas da infecção urinária em crianças

Os sintomas de infecção urinária neste público variam conforme a idade, especialmente porque as criancinhas menores não conseguem verbalizar o que estão sentindo.

Muitas vezes, o único sintoma objetivo é a febre. No entanto, esta é comum a várias outras doenças, como gripe, pneumonia, gastroenterites e outras. Dessa forma, é bem importante a realização de exames de urina para a confirmação da infecção do trato urinário, especialmente se não existem outros sintomas, como tosse, diarreéia ou coriza, que possam nos ajudar a descartar a infecção de urina.

No entanto, existem alguns sintomas que nos ajudam a perceber a infecção de urina, especialmente nas criancinhas menores, como:

  • Febre;
  • Irritabilidade;
  • Inapetência (falta de apetite);
  • Dor e ardência ao urinar;
  • Presença de sangue na urina;
  • Necessidade urgente de urinar;
  • Urina com cheiro forte;
  • Dor lombar.

A ITU pode classificada em baixa (cistite), quando acomete somente a bexiga e habitualmente não provoca febre, e em ITU alta (pielonefrite), quando acomete os rins, provando febre e sintomas clínicos mais expressivos.

Causas da infecção urinária em crianças

Embora a infecção urinária seja um dos problemas mais frequentes na pediatria, ela não é uma doença esperada nessa faixa etária. Por isso, caso ela se manifeste nas crianças com menos de dois anos de idade, é recomendado consultar um especialista para que ele investigue a possibilidade de o problema ter alguma relação com uma malformação congênita do trato urinário (nos rins, ureteres e/ou bexiga).

Dentre as malformações mais comuns, destacam-se:

Tratamento infecção urinária em criança

O tratamento da infecção urinária em criança basicamente é feito com o uso de medicamentos antibióticos. A escolha pela medicação adequada é feita com base nos resultados do antibiograma (parte do exame de urocultura), que mostra a sensibilidade da bactéria aos vários tipos de antibiótico.

No decorrer do tratamento da infecção urinária em criança o médico uropediatra também pode receitar medicamentos para aliviar a dor e garantir maior conforto da criança. Em média, o tratamento da infecção urinária em criança com o uso de medicamentoso dura entre 7 e 10 dias.

Nos casos de maior gravidade, ou quando a criança não consegue se alimentar de maneira adequada, o tratamento da infecção urinária em criança deve ser realizado em ambiente hospitalar, dependendo do quadro geral de saúde da criança.

O tratamento da infecção urinária em criança pode ser feito em casa, quando o quadro for mais leve. O manejo da doença inclui ainda, além do uso de medicamentos, orientações sobre cuidados de higiene, regulação do hábito intestinal, avaliação de sintomas ginecológicos e a presença de fimose. Assim, é possível evitar que a doença se manifeste novamente.

Quando a infecção urinária em criança está relacionada à malformação congênita, causando anomalias estruturais do trato urinário, o tratamento da infecção urinária em criança deve ser indicado após uma avaliação minuciosa da malformação. Em geral, nesse caso, o especialista pode optar pelo tratamento cirúrgico.

Tratamento da infecção urinária em criança: como é a cirurgia

A correção de anomalias que possam estar ocasionando o quadro de infecção urinária em criança pode ser feita pela cirurgia robótica.  Trata-se de um procedimento menos invasivo, com menor sangramento e riscos de complicações, com menor tempo de hospitalização e recuperação, menos dor e cicatrizes mais discretas.

Durante o procedimento, o cirurgião faz entre três e cinco pequenas incisões na área a ser operada, por onde são inseridas delicadas pinças cirúrgicas e uma pequena câmera, com grande poder de aumento. O médico controla o robô de dentro da sala cirúrgica, o que garante mais precisão nos movimentos.   

Saiba mais sobre o tratamento de infecção urinária em criança entrando em contato!

Fontes:

Sociedade Brasileira de Pediatria

Dr. Rafael Locali

Dr. Rafal Locali
Dr. Rafael Fagionato Locali
Urologista
CRM 133874
Logo Dr. Rafael Locali

planeta_22 planeta_11 planeta_22 planeta_11 menino_footer_blog_interno